QUEM TEM MAIS RISCO DE TER DIABETES

LINKS PATROCINADOS

Cerca de 50% da população com diabetes não sabe que são portadores da doença, algumas vezes permanecendo não diagnosticados até que se manifestem sinais de complicações. Por isso, testes de rastreamento são indicados em indivíduos assintomáticos que apresentem maior

risco da doença, apesar de não haver ensaios clínicos que documentem o benefício resultante e a relação custo-efetividade ser questionável. Fatores indicativos de maior risco são listados a seguir:

  • Idade >45 anos.
  • Sobrepeso (Índice de Massa Corporal IMC >25).
  • Obesidade central (cintura abdominal >102 cm para homens e >88 cm para
  • mulheres, medida na altura das cristas ilíacas).
  • Antecedente familiar (mãe ou pai) de diabetes.
  • Hipertensão arterial (> 140/90 mmHg).
  • Colesterol HDL d”35 mg/dL e/ou triglicerídeos e”150 mg/dL.
  • História de macrossomia ou diabetes gestacional.
  • Diagnóstico prévio de síndrome de ovários policísticos.
  • Doença cardiovascular, cerebrovascular ou vascular periférica definida.

Indivíduos de alto risco requerem investigação diagnóstica laboratorial com glicemia de jejum e/ou teste de tolerância à glicose, como discutido na próxima seção. Alguns casos serão confirmados como portadores de diabetes, outros apresentarão alteração na regulação glicêmica (tolerância à glicose diminuída ou glicemia de jejum alterada), o que confere maior risco de desenvolver diabetes.

A caracterização do grau de risco não está padronizada. Para merecer avaliação laboratorial e colocar um paciente assintomático sob suspeita, alguns sugerem a presença de vários dos fatores de risco acima. A tendência crescente é a de se usar um escore de fatores de risco, semelhante aos empregados na avaliação do risco cardiovascular. É bem provável que no próximo manual já esteja definido qual o escore a ser adotado.

Casos em que a investigação laboratorial for normal deverão ser investigados a cada 3-7 anos, dependendo do grau de suspeita clínica.

Se você gostou clique no botão . Para ser avisado quando novos conteúdos forem publicados cadastre seu e-mail clicando aqui ou assinar nosso feed.
Veja mais artigos que selecionamos para você sobre este assunto:
Compartilhe o artigo QUEM TEM MAIS RISCO DE TER DIABETES com seus amigos:

LINKS PATROCINADOS

Faça seus comentários